Trabalhadores da saúde seguem sendo imunizados com novas doses da vacina contra covid-19

Os trabalhadores da área da saúde continuarão sendo o grupo imunizado pelas doses de vacina contra a covid-19 que chegaram até o momento em Criciúma. A definição veio em reunião estadual da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), realizada online, no final da tarde desta segunda-feira (25). O secretário de Saúde de Criciúma, Acélio Casagrande, e o gerente de Vigilância em Saúde, Samuel Bucco, acompanharam as definições, que valem para o Estado. “A deliberação é de que prosseguem esses profissionais, estendendo-se não apenas aos de linha de frente. Esperamos que cheguem muito mais doses e que alcancemos todas as etapas o mais rápido possível”, destacou o secretário.

Até o momento já chegaram à cidade 2.294 doses da coronavac e 1.810 da astrazeneca. Já foram imunizados 1.788 profissionais de saúde, 183 idosos institucionalizados e 23 deficientes institucionalizados. De acordo com dados da Secretaria Municipal de Saúde, estima-se que serão necessárias 6,5 mil doses para imunizar todos os trabalhadores da área. “Nossa intenção é finalizar os profissionais de saúde e iniciar a fase dois e com os idosos de acordo com as faixas etárias”, enfatizou Samuel Bucco, ressaltando que ainda não existe previsão de quantas doses Criciúma ainda vai receber.

blank

Depois dos idosos, as próximas fases preconizam as pessoas com comorbidades, seguidas dos profissionais de segurança, salvamento e professores.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email