Ocupação de leitos de UTI do Hospital de Retaguarda do Rio Maina já supera mais da metade do total disponível

No primeiro dia de funcionamento dos 10 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), instalados no Hospital de Retaguarda do Rio Maina, a ocupação segue intensa. Uma parte das vagas já estão funcionando e sendo utilizadas por pacientes da região com complicações devido à Covid-19. Outra parte aguarda a regulação do Governo de Santa Catarina.

Há também moradores, com sintomas mais leves, sendo tratados no local, que possui capacidade para atender 60 pacientes nessa situação. “Até o começo da tarde desta quarta-feira (10), havia 27 pessoas em tratamento e tinha previsão de chegar mais pessoas.

blank

Os leitos de UTI já estavam sendo ocupados por dois pacientes. Também recebemos solicitações de mais vagas hoje, e o Estado está regulando”, comentou o secretário de Saúde de Criciúma, Acélio Casagrande.

UTI do Rio Maina: 6 internados / 4 vagas

Internação: 31 pessoas / 3 pessoas

Os 10 novos leitos de UTI foram inaugurados a 0h desta quarta-feira pelo prefeito Clésio Salvaro e pelo secretário municipal, na presença dos Chefes do Executivo da Amrec e demais autoridades. A estrutura está sendo regulada pelo Estado de Santa Catarina e administrada pelo Instituto Harmone.

Em uma época em que a facilidade ao acesso de informação acaba multiplicando a desinformação, e para piorar em meio a uma pandemia, o site Bairros Criciúma reforça o compromisso com o jornalismo sério, profissional e de qualidade. Nossa equipe se dedica diariamente na difusão de informação responsável e que você pode confiar.

Para que possamos melhorar cada vez mais e juntos possamos ter um jornalismo sério e o compromisso com a informação de qualidade, contamos também com a contribuição espontânea de nossos leitores!
Para contribuir basta fazer um Pix de qualquer valor para a chave: [email protected]

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email