Criciúma foi escolhida para participar de pesquisa nacional sobre o contágio do Covid-19

A Secretaria de Saúde do município foi comunicada, por meio de Ofício, na última sexta-feira, (15), que a cidade foi contemplada para participar da pesquisa intitulada Evolução da Prevalência de Infecção por Covid-19 no Brasil: Estudo de Base Populacional, cujo objetivo é avaliar a evolução da prevalência de infecção por COVID-19 no Brasil.

Este estudo está sendo financiado pelo Ministério da Saúde e é coordenado pela Universidade Federal de Pelotas, Rio Grande do Sul. A execução do trabalho de campo compete ao Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística – IBOPE, que conta com equipe de entrevistadores devidamente treinados e qualificados para o trabalho em questão.

A pesquisa acontecerá em três momentos, em cada um serão selecionados 250 indivíduos, sendo que a primeira etapa estava prevista para iniciar na última quinta-feira, 14 de maio, e as demais a cada 2 semanas.

Até o momento foram realizados aproximadamente 20 testes e os demais serão aplicados ao longo da semana, com acompanhamento da Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Agente Comunitária de Saúde (ACS) do bairro visitado.

A coleta de dados se dará através da aplicação de um questionário sobre a existência de doenças preexistentes e possíveis sintomas de COVID-19 nos últimos 30 dias, além da realização de um teste sanguíneo rápido que utiliza metodologia por punção digital.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email