Coronavírus: aplicação de novos testes rápidos aleatórios será na próxima semana

Na próxima terça-feira (5), a Secretaria de Saúde de Criciúma iniciará a segunda etapa de aplicação de testes rápidos aleatórios. O trabalho de prevenção e combate à Covid-19, que faz parte de uma pesquisa científica em parceria com a Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), terá os mesmos critérios da fase anterior, quando 500 pessoas foram testadas.

A segunda etapa terá o mesmo quantitativo de teste aplicados e deverá encerrar na segunda-feira da semana seguinte, dia 11 de maio, não sendo realizados trabalhos durante o fim de semana.

“É uma fase muito importante, porque vai avaliar o comportamento da nossa população. Precisamos ter um controle ainda maior da situação, principalmente com a liberação de algumas atividades”, destaca a bioquímica responsável técnica e coordenadora do Laboratório Municipal de Criciúma, Andréa Goulart de Oliveira.

Repetindo os critérios da primeira fase da pesquisa, serão aplicados testes em macrorregiões de Criciúma, como Centro, Próspera, Rio Maina, Pinheirinho, Quarta Linha e Santa Luzia. Ao todo, 18 profissionais da saúde de Criciúma, devidamente identificados, realizarão as coletas.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Acélio Casagrande, os objetivos da pesquisa são verificar associações entre variáveis demográficas e positividade para Covid-19, avaliar o perfil epidemiológico da população estudada e identificar associação com comorbidades e morbidade com o exame aplicado. “Já tivemos números que demonstraram uma realidade dentro de nossa cidade e que nos deram uma noção maior das medidas que devemos tomar em combate e prevenção à Covid-19. A nova etapa nos manterá ainda mais informados sobre a realidade do município”, reforça.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email