Demissão em massa: Tigre desmonta departamento de futebol

Sequência de maus resultados, pressão da torcida e departamento médico sobrecarregado foram os fatores determinantes para a queda de rendimento do time e também desfavoreceram a permanência de Roberto Cavalo no comando do time carvoeiro. 
 
O Criciúma confirmou na tarde de hoje, dia 7, o encerramento das atividades profissionais do técnico Roberto Cavalo, do auxiliar técnico Wilsão e do preparador físico William Hauptman. Na diretoria, o executivo de futebol Evandro Guimarães também encerrou os serviços no clube.
 
Na nota oficial emitida pelo clube, o Criciúma agradece aos profissionais pela dedicação e profissionalismo no período e deseja sucesso nos próximos desafios.
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email