Aulas de Robótica e Forças no Esporte estão entre os projetos de volta às aulas da Rede Municipal de Ensino

Nesta terça-feira (30) os estudantes da Rede Municipal de Ensino retornam às rotinas estudantis. No total, são mais de 19 mil alunos, de 68 escolas, que voltarão às salas de aula. Além disso, projetos como Clube da Leitura, Aulas de Robótica, Forças no Esporte e Estudante Cidadão começam a ser implantados em breve.

“O recesso escolar é um período importante para dar uma descansada e voltar ao segundo semestre com mais ânimo e disposição”, comenta a secretária municipal de Educação, Roseli de Lucca. As atividades como Clube da Leitura e Aulas de Robótica, destinadas aos estudantes do 9º ano, serão colocadas em prática já nos próximos dias em toda a rede municipal de ensino.

A Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental (EMEIEF) Professor Marcilio Dias de San Thiago, no bairro Vila Manaus, será contemplada com o projeto Estudante Cidadão. Em parceria com a Polícia Militar (PM), as crianças do 1º ao 5º ano cantarão o hino nacional todos os dias no início das aulas. Os policiais também farão um trabalho de referências positivas para a vida dos alunos.

De acordo com a coordenadora pedagógica da EMEIEF Professor Marcilio Dias de San Thiago, Ângela Colombo Boaroli, a ação resulta em uma carga muito positiva. “Ela traz resultados para dentro da sala de aula, na melhora da disciplina e do aprendizado. Afinal, quando se tem disciplina, o aprendizado se torna mais fácil”, afirma.

Já o Forças no Esporte será aplicado na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Ângelo De Luca, em parceria com o 28º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC). Serão ofertadas modalidades esportivas, atividades recreativas e atletismo no contraturno escolar, duas vezes por semana. Somente para os meninos do 6º ao 9º ano, a abertura oficial ocorre nesta quinta-feira (1º).

Para o coordenador de Educação Física da Secretaria Municipal de Educação, Maurício Abel Coral, a fomentação da prática esportiva é de extrema importância. “O aprendizado do esporte em si, se bem realizado, ele consegue agregar uma série de valores, como cooperação, coleguismo, amizade e solidariedade. Conseguir oportunizar uma opção qualificada de aprendizagem esportiva e cultural em seus contraturnos para os alunos, é de grande valia para o crescimento deles como seres humanos”, enfatiza.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email