Parte do lucro do FGTS será depositado para trabalhadores

Parte do lucro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, em 2019, vai ser depositado nas contas vinculadas do FGTS dos próprios trabalhadores no fim do mês, no dia 31. Em reunião ontem (11), o Conselho Curador autorizou a distribuição desse lucro.

Essa distribuição vai ser feita de forma proporcional ao saldo que havia na conta do FGTS no dia 31 de dezembro do ano passado. Mesmo que o trabalhador tenha sacado tudo ou parte da conta depois dessa data.

São cerca de R$ 7,5 bilhões disponíveis, o que corresponde a 66% do resultado positivo do FGTS do ano passado; ou seja, mais de R$ 11 bilhões no total.

O integrante do Conselho Curador do Fundo, o secretário-executivo adjunto do Ministério do Desenvolvimento Regional, Daniel de Oliveira Duarte Ferreira, fala um pouquinho sobre o papel do FGTS na economia brasileira.

Agora, é importante lembrar que esse depósito não muda nada nas regras previstas para o saque do FGTS, aqueles casos de demissão sem justa causa, doenças graves e compra de imóvel, por exemplo. E reforçando: o trabalhador pode – e deve – acompanhar como anda o saldo do FGTS dele. Para isso, basta cadastrar o celular para receber mensagens ou o endereço para que possa receber o extrato impresso a cada dois meses em casa. As informações completas estão no site da Caixa, que é o caixa.gov.br, na parte de benefícios e programas.

Fonte: Radioagência Nacional

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email