Estado não terá tradicional desfile de Sete de Setembro em função da pandemia

Neste ano, o dia 7 de Setembro, que marca as comemorações da Independência do Brasil, não vai levar para as ruas o tradicional desfile cívico-militar em comemoração pela Semana da Pátria.

O cancelamento é uma medida de prevenção sanitária para evitar aglomerações nas cerimônias, devido ao risco de contaminação pelo novo coronavírus. Apesar da restrição, O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar e Instituto Geral de Perícias, promove uma campanha virtual. Além disso, atividades a distância na rede estadual de educação devem marcar as homenagens verde-amarelas.

Todos os cidadãos podem participar da campanha de amor à Pátria. Basta colocar uma bandeira do Brasil ou camisa verde ou amarelo na janela no dia 7 de setembro e fazer parte dessa mobilização das Forças de Segurança de SC.

No início de agosto, o Ministério da Defesa, recomendou o cancelamento dos desfiles em todo o país. Em portaria publicada no Diário Oficial da União (Portaria Nº 2.621), o ministério determinou aos comandantes do Exército Brasileiro, Força Aérea e Marinha do Brasil que orientassem os membros das Forças Armadas para se abster de participar de qualquer evento comemorativo alusivo ao 7 de Setembro.

O presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial de Santa Catarina e delegado-geral, Paulo Koerich, informou que, em razão desta portaria, e para respeitar as medidas de distanciamento social, as forças de segurança pública do estado não irão realizar eventos comemorativos, como desfiles ou demais programações que possam causar a concentração de pessoas no feriado.

“Essa medida é importante para que a saúde seja preservada em razão da pandemia da Covid-19, mas todo cidadão catarinense pode comemorar o 7 de setembro hasteando uma bandeira defronte a sua residência ou mesmo em suas janelas. Desta forma, nós brasileiros honramos o dia da nossa independência”, explicou Paulo Koerich.

Educação

A Secretaria de Estado da Educação informou que a Semana da Pátria está sendo celebrada à distância pelas atividades não presenciais, com interação on-line ou orientações por atividades impressas.

Para estimular o engajamento dos alunos nesta data, a Secretaria de Educação divulgará as iniciativas pedagógicas e produções dos estudantes para a comunidade. Nas mídias sociais, irá compartilhar ao longo desta semana as ações promovidas nas escolas.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email