As obras em um dos principais acessos ao centro de Criciúma, a Rodovia Luiz Rosso, seguem em ritmo acelerado e já se aproximam do bairro Morro Estevão, ainda na região agrícola. Os serviços de fresagem no asfalto, que iniciaram no acesso à BR-101, já passaram o bairro Quarta Linha e se aproximam do bairro Morro Estevão. As obras estão sendo executadas pelo Governo de Criciúma, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, que visa melhorar a mobilidade urbana da cidade facilitando o deslocamento da população.

 

Após o uso da máquina fresadora para a retirada das partes danificadas do asfalto nos quase 12 quilômetros de via e o nivelamento com aplicação de massa asfáltica, os serviços voltarão ao trecho inicial para a pavimentação final. “A máquina fresadora está facilitando e tornando muito mais rápido o trabalho de revitalização. A rodovia Luiz Rosso precisava desta obra e vamos garantir que ela seja feita com qualidade”, destacou o Secretário de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, Tita Belloli.

 

A revitalização, que iniciou na primeira semana de fevereiro, têm previsão de entrega ainda para o primeiro semestre deste ano. Além desta obra, o Governo Municipal já pavimentou mais de mil ruas e com a nova aquisição da máquina fresadora, a intenção é trabalhar na recuperação de outros locais que também estejam com desgastes.

Atenção ao trânsito

Enquanto houver obras na Rodovia Luiz Rosso, o trânsito será monitorado pelos agentes de trânsito da Diretoria de Trânsito e Transporte (DTT) de Criciúma. Está sendo utilizado sistema de “Pare e Siga”, que tem o objetivo de desviar o trânsito em apenas uma via, ou seja, enquanto um sentido segue o outro para.

A comunidade do bairro Primeira Linha irá ganhar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) totalmente revitalizada e ampliada. A Ordem de Serviço (OS) que autorizou o início das obras, foi assinada pelo prefeito Clésio Salvaro, na noite desta quarta-feira (17), na prefeitura. Pelo documento serão reformados 172,8 metros quadrados e ampliados 53 metros quadrados de área. O investimento total é de R$ 209 mil. “Seguimos com investimentos em todas as estruturas da Secretaria Municipal de Saúde, sempre com objetivo de dar mais espaço e comodidade para pacientes e também para os colaboradores. A humanização nos atendimentos continua sendo nosso principal foco”, enfatizou o prefeito, Clésio Salvaro.

 

As obras foram autorizadas e devem iniciar até a próxima semana. O prazo para conclusão é de sete meses. A UBS Primeira Linha está localizada na rodovia Alexandre Beloli e atende aproximadamente 3,2 pacientes. Considerada de Porte I, a UBS atende os critérios da atenção primária, com médico, enfermeiro, técnico de enfermagem e algumas especialidades, além de agentes comunitários de saúde.

 

“Esta é mais uma UBS que está recebendo melhorias. Em todo o município, as estruturas estão sendo revitalizadas, ampliadas ou reconstruídas. Além de equipe especializada, também estamos investindo nos espaços para oferecer cada vez mais saúde de qualidade”, destacou o secretário de Saúde, Acélio Casagrande, ao lado do secretário de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, Tita Belloli, que solicitou parceria e compreensão dos usuários da UBS enquanto as obras estiverem em andamento.

Participaram ainda da assinatura da OS, secretários municipais, vereadores e lideranças da comunidade de Primeira Linha.

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Criciúma, representado pelo coordenador Gustavo Colle, entregou nesta quinta-feira (18) um documento ao promotor da 7ª Promotoria de Justiça da Comarca do município, Diógnes Viana Alves, solicitando a instauração de um inquérito civil contra uma instituição financeira. O órgão municipal já ingressou com um processo administrativo contra o banco e aplicou uma multa de R$ 1 milhão, após receber 226 reclamações de fraudes em empréstimos consignados.


Desde a abertura do processo em novembro do ano passado, houve mais 279 reclamações de aposentados no Procon, totalizando 505. “Antes a nossa maior demanda era contra operadoras de telefonia, hoje está sendo em empréstimos consignados”, declarou o coordenador.

Agora, o Procon aguarda a avaliação do promotor de justiça a respeito do requerimento. Enquanto isso, recomenda que a população tome algumas medidas para evitar as fraudes. “Pedimos para que os aposentados acessem o site: meu.inss.gov.br/central/#/login?redirectUrl=/ e bloqueie a operação empréstimo consignado”, explicou Colle.

Para testar limites, fugir da rotina e contemplar a natureza, três amigos costumam realizar anualmente o “desafio do corpo e da mente”. O empresário Diego Biff, o padre Maike Leo Grapiglia e o consultor empresarial Mateus Meller de Luca iniciaram esse projeto em 2017, e neste ano Biff lança um livro com a participação dos seus amigos para contar um pouco mais desta jornada, e principalmente das lições que são aprendidas  ao longo do caminho. 

O desafio consiste em uma caminhada que começa em Criciúma rumo a Nova Trento, são 228 quilômetros, mas há regras que são combinadas entre eles antes de iniciar o percurso que dura cerca de uma semana. A principal regra é não levar nenhum recurso financeiro. “Zero reais, nem para emergência” enfatiza o autor do livro “E no sétimo dia eles descansaram”.

blank

O teor do livro é contar sobre uma viagem a pé, com custo zero que envolve ensinamentos sobre empreendedorismo, espiritualidade, mas também com um toque de humor. 

Foram sete dias de caminhada, com a alimentação e água proveniente de pedidos ao longo do trajeto e dormindo na beira das estradas, em praças ou na frente de igrejas. 

“Foi uma experiência de se colocar no lugar do outro, hoje nós teríamos condições financeiras para ajudar o próximo seja com algum valor ou com a alimentação, porém gostaríamos de conhecer o outro lado. Como é difícil doar a necessidade”,  explica Biff. 

blank

Como essa peregrinação foi muito marcante na vida dos três, desde 2017 o livro estava sendo escrito. “Foram quatro anos para concluir o livro, mas está aí uma bela história de uma experiência de verdade”. 

O livro pode ser adquirido por R$ 30 nas Livrarias Fátima ou pelo Direct do Instagram do autor @diegobiff.

blank